home » Blog » Quanto tempo vive um site?

Quanto tempo vive um site?

DIG marketing digital - Quanto tempo dura um site?

Bom seria se o seu site fosse para sempre, não é? Que aquele site que você fez anos atrás ainda tivesse um layout atual e que os seus clientes conseguissem visualizá-lo no smartphone sem problemas… Você precisa de mais Marketing Digital!

Eu tenho certeza que você já chegou à conclusão que isso não funciona assim. Você viu o site do seu cliente, moderno e adaptado às telas pequenas, e se ligou que o site da sua empresa está realmente velho!

Mas isso tem solução, meu amigo… e é muito simples!

Na sequência vou falar dos 5 pontos mais importantes para manter seu site vivo por muito tempo.

  1. Versões – Novas funcionalidades no site de sempre.
  2. Relayout – O mesmo site, mas com roupa nova.
  3. Atualização – Conteúdo novo é igual a visitas constantes.
  4. Manutenção – Se você não sabe como fazer, contrate quem sabe.
  5. Marketing – Afinal, é disso que estamos falando.

Em geral, dizemos que um site vive 2… 3 anos, no máximo. Agora, se você fez um site e nunca divulgou nem fez atualizações ou manutenção, tenho certeza que ele já morreu e essa imagem de coisa quebrada é a que está sendo mostrada para seus clientesÉ isso que você quer?!

Desde o momento que o seu site vai ao ar, você tem que tomar alguns cuidados para que ele dure ainda muito tempo e crie muitas oportunidades para sua empresa.

Vamos então aos pontos que você deve prestar atenção no dia-a-dia para que o seu website seja realmente uma ferramenta útil.

1. VERSÕES – Novas funcionalidades no site de sempre

Tem uma situação que vejo sempre: o cliente quer um site com tudo que tem direito, mas a verba disponível não é suficiente. Mas a internet permite que você monte seu site por módulos,  de forma planejada.

Você pode começar com um blog. Depois põe para rodar a newsletter, o e-commerce, o chat… Ou seja, cada nova funcionalidade agregada à sua ferramenta web é uma nova versão publicada. Essa é uma estratégia que permite estender a data de vencimento do seu site fazendo que ele te traga cada vez mais retorno.

2. RELAYOUT – Mesmo site mas com roupa nova

A internet também tem tendências. A tecnologia evolui e oferece novas formas de apresentar o conteúdo e a linguagem e o design acompanham estas mudanças. Certamente você já notou o novo layout de algum grande portal. Pois é, eles estão sempre atentos às novas possibilidades e de tempos em tempos se veem obrigados a renovar o visual.

Você já tem todo o seu conteúdo pronto e publicado, então só é preciso atualizar o layout. Algumas vezes de maneira mais radical, outras só é preciso uma revitalização, mas isso vai manter seu site em dia e agradável para os seus visitantes. Eles com certeza irão perceber o cuidado que você tem com o seu site e isso reflete na imagem da sua empresa positivamente.

Fique ligado e, quando fizer melhorias no visual, comunique seus clientes e convide-os para conferir o site.

 3. ATUALIZAÇÃO – Conteúdo novo é igual visitas constantes

Um site precisa de cuidados. Não  é um “produto” que você coloca na web enquanto aguarda o retorno do investimento. É  uma pequena planta que deve ser regada sempre com bons conteúdos. Por quê? Ao postar conteúdo regularmente, você ganhará  leitores regulares. Se o seu site é lido e comentado regularmente, ele não morrerá!!  Tanto aos olhos do Google , quanto aos olhos de novos leitores. Aviso, não escreva por escrever, mas faça uma  verdadeira reflexão sobre a expectativa de seus leitores, ofereça  conteúdo de qualidade.

4. MANUTENÇÃO – Não sabe como fazer? contrate quem sabe

As tecnologias estão mudando constantemente e você precisa se manter em dia com isso, caso contrário: sim, seu site vai ficar velho.

Lembra que falamos de evolução da tecnologia? Nessa esfera de acontecimentos coisas boas se consolidam e são usadas por mais e mais pessoas, como plataformas de CMS, sistemas SAAS, de automação de marketing.  É sobre isso que trata a manutenção.

Se seu site é velho, talvez esteja na hora de adotar uma plataforma de CMS como o WordPress, por exemplo. Ela é gratuita e permite  que você gerencie o seu conteúdo e funcionalidades do site.

Manutenção também é otimizar seu site para atender às exigências do Google, por exemplo, com técnicas de SEO (Search Engine Optimization), ou adaptar seu site para telas menores, tornando-o responsivo. Mas não só de ações complexas vive a manutenção. Você pode precisar, por exemplo, criar uma nova categoria no seu blog para exibir conteúdo específico para sua audiência.

Agora, cada macaco no seu galho. Se você não tem habilidade para isso, contrate quem tem. Caso contrário você vai perder muitas horas valiosas e o resultado pode não ser satisfatório.

5. MARKETING – Afinal é disso que estamos falando.

Seu site é uma ferramenta de comunicação. Ele representa você ou sua empresa na esfera digital. Quando o cliente chega até você, ele já pesquisou na internet e já passou pelo seu site com certeza. Então faça tudo com um mínimo de planejamento, por favor.

Planeje sobre o que vai escrever no seu blog. Pesquise a concorrência. Mantenha seu site funcionando e sem erros. Experimente, repita os sucessos e descarte o que não funcionou. Os benefícios disso são certos!

Ok… e agora?

A vida de seu site depende da atenção que você dá para ele. De tempos em tempos faça uma revisão com mais critério e anote os pontos que podem melhorar. Se você não está seguro disso, chame aquele seu amigo que entende mais do assunto. Manter seu site em dia vai te custar menos e trará melhores resultados, eu garanto.

A DIG pode fazer para você uma análise cuidadosa do seu site… é de graça! 🙂

FAÇA UMA AVALIAÇÃO GRATUITA

Gostaram das dicas? Então, vamos realizar!

Solicite uma avaliação graúíta sobre a situação da sua presença digital. Vamos enviar um PDF com informações diversas como links de referência, backlinks, palavras-chave e mais...

Site da empresa*

Nome*

E-mail*

Telefone*

Área de atuação da empresa*

Cargo na empresa*

Solicite sua avaliação... Você não estará assumindo nenhum compromisso com a DIG mkt digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *